135 acidentes com danos materiais foram registrados em vias de São Leopoldo em abril


Imagem: divulgação/ PMSL.

A Guarda Civil Municipal de São Leopoldo (GCM) apresentou, nesta quarta-feira (11), os dados relacionados aos acidentes de trânsito na cidade para o mês de abril. Os representantes do órgão participaram da reunião ordinária do Conselho Popular de Segurança Urbana (Consegur).


De acordo com os números, ocorreram 135 acidentes com danos materiais na cidade no mês de abril, ou seja, uma média de quatro acidentes por dia. Dessas ocorrências, foi verificado que 60% delas envolvem condutores de fora do município. O número se explica pelo fato de que as ruas de São Leopoldo se tornam uma alternativa para driblar os engarrafamentos da BR-116.


De acordo com o diretor de trânsito da GCM, Cláudio Dumom, as ações do Maio Amarelo fazem parte de uma proposta da Organização das Nações Unidas (ONU) com a meta de diminuição da acidentalidade no trânsito em 50% ao longo da década, de 2020 a 2030. “Estão sendo realizadas algumas blitz educativas na área central do município visando a conscientização da comunidade. Se cada um de nós fizer um pouco no nosso dia a dia, isso vai gerar um resultado grande no final”, afirmou.

Além disso, o membro do conselho e diretor administrativo da Semusp, Diego Camboim, ressaltou os aspectos negativos que a imprudência no trânsito pode gerar para o Estado. “A direção irresponsável tem um impacto não só na perda de vidas, ela gera um problema de saúde e um impacto econômico, pois as pessoas acidentadas vão parar muitas vezes no Sistema Único de Saúde (SUS), e podem ainda ter sequelas gerando mais custo”, explicou Camboim.


Fonte: PMSL

0 comentário