Buscar

Alunos da Escola Francisco Xavier participam de atividade no Museu do Rio, em São Leopoldo


A ação foi organizada pelos profissionais do Museu do Rio, Débora Machry e Jacqueline Bastos, juntamente com o assessor de Gestão Ambiental, Daniel Sauer, e aconteceu com turmas pela manhã e tarde. | Imagem: Jorge Passos/ PMSL.

Brincar e aprender sobre o Rio dos Sinos e o meio ambiente. Este foi o objetivo da atividade realizada no Museu do Rio, no dia 26 de novembro, com alunos dos 4º e 5º anos da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Francisco Cândido Xavier, do bairro Santos Dumont.


A ação foi organizada pelos profissionais do Museu do Rio, Débora Machry e Jacqueline Bastos, juntamente com o assessor de Gestão Ambiental, Daniel Sauer, e aconteceu com turmas pela manhã e tarde.


Participaram da atividade, a educadora ambiental do Parque Imperatriz, Natasha Comassetto, e a chefa do Centro Permanente de Educação Ambiental (Cepea), Yara Stockmanns.


Os estudantes conheceram as exposições do museu, tiveram uma aula sobre o meio ambiente e sobre o Rio dos Sinos, além de assistirem ao documentário “Vozes do Rio”. Por fim, as crianças brincaram de caça ao tesouro. Nessa atividade, o intuito era encontrar imagens de animais espalhadas pelo local e tentar adivinhar o nome da espécie, buscando adquirir conhecimento e fixar o que foi aprendido na aula especial.


O assessor de Gestão Ambiental e organizador do evento, Daniel Sauer, comentou a atividade. “Muito importante o Museu do Rio ser um espaço de educação ambiental e cumprir seu papel social. É levar conhecimento e valorização da história dos povos com o rio”, falou. "É fundamental receber as escolas, porque com a nova geração é que vamos garantir uma nova e melhor consciência ambiental sobre a preservação do planeta”, finalizou.


Na mesma intenção de comentar a atividade, a chefa do Cepea, Yara Stockmanns, afirmou. “É importante a sensibilização e o diálogo com as crianças com o objetivo de fazer com que se sintam parte integrante na preservação do Meio Ambiente”, informou.


A professora da escola, Daliam Dalla Lana, explicou a sensação em participar. “Foi uma alegria receber o convite. É muito gratificante esse aprendizado e partilhar desse conhecimento. Aqui é a união da cultura e preservação, porque aqui a gente traz a história, a cultura da cidade e traz o compromisso de cuidar do ecossistema, do mundo”, disse. Já o estudante Victor de Souza, de 10 anos, se encantou com a visita. "Muito legal aprender sobre o rio e sobre coisas de antigamente, como essa casa”, declarou.

A ação está prevista para ocorrer novamente no dia 3 de dezembro, com a mesma escola.


Fonte: PMSL

0 comentário
Sem título.png
Caixinha de perguntas Start.png