Após 1º caso de dengue do ano em SL, Saúde reforça os cuidados para evitar a propagação do vírus


Imagem: divulgação/ PMSL.

Após o relato de um caso positivo de dengue no bairro Santo André nesta semana, é importante relembrar as medidas preventivas que devem ser tomadas para evitar o contágio da doença. Em live feita nesta sexta-feira (11), em que participaram o secretário da Saúde Marcel Frison e o coordenador da Vigilância em Saúde André Ellwanger, foi ressaltada a importância do cuidado para que se evite a dengue.


O coordenador da Vigilância, André Ellwanger, relembrou o caso positivo na cidade e quais medidas já foram tomadas desde a confirmação. "Assim que soubemos deste caso as equipes da vigilância ambiental através dos agentes de endemias já começaram com trabalho de investigação de focos do mosquito e com aplicação de inseticidas no bairro Santo André para evitar a proliferação do mosquito na região", disse o coordenador.


André enfatizou que a equipe mantém o monitoramento e que a partir da semana que vem, sem chuva, voltará o trabalho contínuo da aplicação de inseticidas naquela área além de ações educativas para relembrar a forma de prevenção correta.

O secretário da Saúde, Marcel Frison, também recordou que a dengue é um tipo de doença pandêmica que tem forma de ser evitada mas que não se pode parar com os cuidados, já que eventualmente existem alguns casos nos municipios. " É importante informar para as pessoas,que assim como para covid-19, existem medidas preventivas que evitam a dengue. Vamos revisar os pátios das suas casas, evitar e retirar os acúmulo de água parada, usar repelente, principalmente nas crianças que são mais suscetíveis ao contágio e para deter a transmissão, que é feita através do mosquito (Aedes Aegypti) e não do contato de pessoa para pessoa. E se mantenha informado pelos canais de comunicação da prefeitura", afirmou o titular da pasta.


André ainda falou do trabalho que é feito com a estrutura do SUS." Temos visitas dos agentes de endemias, um trabalho do SUS, é um pessoal identificado com colete e crachá. Se a pessoa tiver qualquer receio de liberar os agentes é só ligar para nós aqui da vigilância para se certificar da identificação. E qualquer denúncia de piscina com água suja, água parada e alguma suspeita proliferação da dengue é só ligar para o número 156. E a notificação da confirmação da doença se faz através dos órgãos de saúde pública", explicou Ellwanger.


A recomendação em caso de qualquer suspeita de estar contaminado com a doença, é procurar atendimento médico, através da unidade de saúde mais próxima, já que a dengue exige atenção. Os cuidados são muito simples, ligados à higiene.


O secretário Marcel afirma que toda a conversa não é para ser algo alarmante já que não existe uma pandemia de dengue no momento, mas é mais como um reforço da importância de evitarmos a propagação da doença e de que modo isso pode ser feito”.


De acordo com André, o caso positivo notificado é “autóctone” , ou seja, ocorreu por transmissão local, na região. “Já recebemos mais cinco notificações de suspeita em três endereços nas proximidades”, disse.


O mesmo mosquito também transmite o Zika vírus e a Chikungunya.



0 comentário