Bolsonaro tem pior índice de reprovação pessoal, diz pesquisa


O presidente Jair Bolsonaro registrou o pior índice de reprovação pessoal, segundo pesquisa CNT/MDA publicada nesta segunda-feira. O levantamento mostra ainda o ex-presidente Lula liderando as intenções de voto para a presidência da República, com 41,3% do total, contra 26,6% de Bolsonaro.


Na sequência aparecem Ciro Gomes (PDT) e Sergio Moro (sem partido), ambos com 5,9%, João Doria (PSDB), com 2,1% e o ex-ministro Luiz Henrique Mandetta (DEM), com 1,8%. Votos brancos e nulos somam 8,6% e os indecisos são 7,8%.


Num segundo turno disputado entre Bolsonaro e Lula, o ex-presidente levaria a disputa com 52,6% dos votos, contra 33,3% do adversário.


Ao serem perguntados sobre o que é mais importante nas eleições presidenciais de 2022, 45,1% dos entrevistados respondeu “Bolsonaro não ser reeleito”.


Foram realizadas 2.002 entrevistas presenciais, em 137 municípios de 25 unidades da Federação, entre os dias 1o e 3 de julho. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, com 95% de nível de confiança.

0 comentário