top of page
Buscar

Brasil ultrapassa 400 mil casos prováveis de dengue, diz Ministério da Saúde


O Brasil registrou 408.351 casos prováveis de dengue, de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira (9) pelo Ministério da Saúde. Ainda segundo o Painel de Monitoramento de Arboviroses, o país tem 62 mortes confirmadas e outras 279 em investigação por relação com a doença.


Segundo informações da pasta, Minas Gerais, com 143.876 casos, segue como o estado com o maior número de diagnósticos.


São Paulo é o segundo, com 63.033 casos, e o Distrito Federal é o terceiro, com 49.915 casos prováveis.


Já no coeficiente de incidência por 100 mil habitantes, a capital federal lidera com 1.771,9 casos por 100 mil habitantes. Em seguida está Minas Gerais, com 700,5 casos por 100 mil habitantes. O Acre, com 4.640 casos prováveis, é o terceiro na lista do coeficiente de incidência.


Pelas informações do Painel, as mulheres são maioria dos casos prováveis com 54,9% dos diagnósticos. Os adultos entre 30 e 39 anos é a faixa etária mais infectada, com 43.795 casos entre mulheres e 36.721 casos entre os homens.


Nesta quinta-feira (8), o Ministério da Saúde, em conjunto com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), iniciou a distribuição de vacinas contra a dengue para os municípios que atendem os critérios definidos pela pasta.


A imunização começará pelas crianças de 10 a 11 anos e irá avançar a faixa etária progressivamente, assim que novos lotes forem entregues pelo laboratório fabricante.


As crianças e adolescentes entre 10 e 14 anos são considerados público-alvo da vacinação, seguindo a recomendação da Câmara Técnica de Assessoramento em Imunização (CTAI) e da Organização Mundial de Saúde (OMS).


O lote inicial de 712 mil doses de vacina será enviado para 315 municípios do Distrito Federal, Acre, Amazonas, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Paraíba e São Paulo. O Distrito Federal e o estado de Goiás receberam as primeiras remessas ainda na quinta-feira (8). Os demais devem receber ao longo dos próximos dias.


Neste primeiro momento, o Ministério da Saúde atende 60% dos 521 municípios selecionados com a quantidade de vacina disponível. A previsão do ministério é que todos os 521 municípios recebam doses para a vacinação da faixa etária de 10 a 11 anos até a primeira quinzena de março.


Com o recebimento das 6,5 milhões de doses disponíveis pelo laboratório em 2024, a pasta afirma que garantirá a vacinação de todo o público-alvo, de 10 a 14 anos, nos 521 municípios selecionados, ao longo dos próximos meses, de forma progressiva.


Fonte: CNN Brasil

0 comentário
WhatsApp Image 2024-02-26 at 16.17.18.jpeg
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page