top of page
Buscar

Centenário da Revolução de 1923 será o tema dos Festejos Farroupilhas deste ano



Imagem: Acervo João Pedro Nunes.

Durante reunião da Comissão Estadual da Organização dos Festejos Farroupilhas, foram definidos o tema e o patrono das comemorações deste ano. Os integrantes do grupo escolheram o Centenário da Revolução de 1923 como a temática do evento gaúcho.


Por unanimidade, a cantora e apresentadora Maria Luiza Benitez foi eleita a patrona. No encontro, que aconteceu na Casa de Cultura Mario Quintana, em Porto Alegre, na tarde desta terça-feira (28), a secretária adjunta da Cultura do RS, Gabriella Meindrad, primeira mulher trans da história a comandar a comissão, ressaltou que o tema é a marca do evento, mas que a ideia é trazer outras pautas importantes que têm relação com o momento histórico.


“Nós vamos trazer questionamentos como: Quem são as pessoas invisibilizadas? Como os negros e negras, as mulheres, os indígenas aparecem ou, quase não aparecem, na história da Revolução de 1923?”, explicou.


A comissão se reuniu pela segunda vez neste ano. Composto por representantes de 18 entidades, o grupo é responsável pelo planejamento e execução dos Festejos Farroupilhas. No primeiro encontro, foram definidos os nomes da equipe diretiva da comissão, que é composta só por mulheres e tem, além de Gabriella, Ivana Flores, representante da Casa Civil, como vice-presidente, e Karina Silveira, representante da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), como secretária.


O ato de abertura oficial dos Festejos Farroupilhas 2023 será realizado em 19 de agosto, com o acendimento da chama crioula no Parque Estadual General Bento Gonçalves, em Cristal.

Na edição do ano passado, o tema escolhido foi Etnias do Gaúcho: Rio Grande, Terra de Muitas Terras, que buscou apresentar a diversidade da composição do povo gaúcho.


Maria Luiza Benitez


Malu, como é conhecida, nasceu em Bagé e tem 71 anos. É cantora, compositora, atriz, mestre de cerimônias, radialista, apresentadora de TV e historiadora. Intérprete da música latino-americana, consagrada nos festivais do Rio Grande do Sul, Malu possui uma carreira de mais de 50 anos, sendo uma das precursoras do Movimento Nativista.


Ela recebeu, em 2008, do governo do Estado, o troféu Mulher Farroupilha, por sua contribuição dada à música, à arte e à cultura do RS. Malu também foi agraciada, em 2010, com a honraria máxima concedida pela Assembleia Legislativa do Estado: a Medalha do Mérito Farroupilha.


Revolução de 1923


A Revolução de 1923 foi um movimento deflagrado no RS em janeiro daquele ano, sob a liderança de Joaquim Francisco de Assis Brasil, em reação à reeleição de Antônio Augusto Borges de Medeiros para o quinto mandato como presidente do Estado.


Os partidários de Borges de Medeiros eram conhecidos como Ximangos. Já os aliados de Assis Brasil eram chamados de Maragatos. A guerra civil se prolongou até dezembro de 1923, quando terminou com a assinatura do Pacto de Pedras Altas.


Fonte: O Sul

0 comentário
WhatsApp Image 2024-02-26 at 16.17.18.jpeg
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page