Centro de Recuperação e Bem-estar Animal de Campo Bom fecha o ano com mais de 1,4 mil atendimentos


Consultas, castrações e procedimentos de pequeno porte são alguns dos serviços oferecidos gratuitamente no espaço. | Imagem: Jordana Fioravanti/ PMCB.

As políticas públicas voltadas para a causa animal sempre estão no radar da Prefeitura de Campo Bom. O Centro de Recuperação e Bem-estar Animal (Cempra) fecha este ano com mais de 1,4 mil atendimentos realizados. Conforme a Secretaria de Meio Ambiente (Sema), somente castrações e consultas veterinárias somam 659 e 580, respectivamente. Além desses procedimentos, ainda entram na conta as cirurgias com e sem complexidade, exames, entre outros.


“O Cempra é um dos orgulhos que temos no nosso governo; implementado em 2019, a cada ano se mostra um trabalho assertivo. Nossas políticas públicas voltadas para a causa animal tem o propósito não de apenas remediar uma situação, mas de prevenir. A castração gratuita é um incentivo que evita a procriação dos animais fora das condições ideais de vida. Então nós temos menos animais sofrendo em situação de rua e mais segurança para os cães de tutores com baixa renda ou cães comunitários”, afirma o prefeito Luciano Orsi.


Incentivo à adoção


Seja no formato remoto ou presencial, as ações de incentivo à adoção responsável foram trabalhadas ao longo do ano. Teve feira on-line e presencial, palestras de conscientização nas escolas, divulgação nas redes sociais; e tudo isso resultou em 94 adoções encaminhadas pelo Cempra. “Hoje ainda temos 15 cães aptos para adoção na casa de passagem, mas cada um que consegue um lar é motivo de alegria para a gente. É sempre bom lembrar que, quem adota através do Cempra tem garantidas as vacinas e a castração do seu animalzinho, ambas de forma gratuita”, pontua o secretário de Meio Ambiente João Flávio da Rosa.


Proteção


Mais do que trabalhar constantemente a temática dos maus-tratos e abandono, a Sema também recebe denúncias. Em 2020 foram atendidas 191 ocorrências no município. Situações como abandono, animais presos, em locais anti-higiênicos, privados de luz e ar, não alimentados por mais de 12 horas, entre outras, podem ser denunciadas para o e-mail sema@campobom.rs.gov.br ou presencialmente via protocolo na prefeitura, além da Brigada Militar através do número 190.


Como conseguir atendimento


Todos os atendimentos são feitos mediante agendamento. O morador deve entrar em contato com o Cempra por meio do telefone (somente ligação): (51) 99668-8549 e será orientado a abrir protocolo junto à Sema, no primeiro andar do Centro Administrativo; de segunda a quinta-feira das 12h30min às 18h30min e nas sextas-feiras das 7h30min às 13h30min. É necessária a apresentação dos documentos: RG, CPF, comprovante de residência do tutor e comprovante de beneficiário de programa social dos governos municipal, estadual ou federal.


Tudo isso para atendimentos sem nenhum custo para animais em situação de rua, pets comunitários, vítimas de maus-tratos ou que estejam sob tutoria de famílias com baixa renda comprovada. A equipe da Sema busca e leva os animaizinhos em casa, com direito a caixinha de transporte para todos os portes.


A normativa com todo o descritivo de quem se encaixa no programa está disponível no link: https://arquivos.campobom.rs.gov.br/index.php/s/w7Yg8GL4dbWe69m#pdfviewer


Fonte: PMCB

0 comentário