top of page
Buscar

Com presença do El Niño, Defesa Civil gaúcha disponibiliza consulta on-line a áreas de risco


Imagem: Sabrina Ribas/.Defesa Civil do RS.

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul passou a disponibilizar em seu site o monitoramento de áreas de risco hidrológico e movimento de massas no estado. A medida é um reflexo de ações na gestão dos riscos de desastres com a possibilidade de efeitos climáticos provocados pelo fenômeno El Niño, que deve ter intensidade forte no RS em 2023, segundo especialistas.


As informações podem ser consultadas por municípios e pela população em geral. De acordo com o governo do Estado, relatórios do Serviço Geológico do Brasil, órgão ligado ao Ministério de Minas e Energia, apontam 740 áreas de alto e muito alto risco a movimentos de massas e enchentes em 60 municípios gaúchos.


As informações obtidas pelas fontes nacionais são cruzadas com os dados fornecidos pela própria Sala de Situação do Estado, que apresenta equipe trabalhando junto à Defesa Civil gaúcha no monitoramento diário das condições hidrometeorológicas no estado.


A partir desse levantamento, a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil articula junto a secretarias estaduais e municípios a atualização dos planos de contingência de cada localidade. Os documentos elaboram medidas para que municípios respondam a situações de emergência de forma planejada, levando-se em conta as características de cada município em diferentes tipos de desastres.


El Niño


O El Niño é uma anomalia natural que aumenta a temperatura das águas do Oceano Pacífico. Esse aquecimento é provocado por uma mudança na circulação de ventos. Nesse caso, a água fria perde força e a água quente avança, influenciando na evaporação e na formação de nuvens de chuva.


Segundo especialistas, há previsão de um alto volume de precipitação e temperaturas um pouco mais altas do que a média no outono e no inverno no Rio Grande do Sul em 2023, características do El Niño. Essa combinação de fatores pode oferecer condições para a ocorrência mais frequente de eventos adversos, de acordo com o governo do Estado.


Fonte: g1

0 comentário

Comments


labelladonnasaoleopoldo.png
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page