Buscar

Comerciante é preso com mais de 800 vídeos e fotos de pornografia infantojuvenil em Torres


Imagem: divulgação/ IGP.

A Polícia Civil e o Instituto-Geral de Perícias (IGP) flagraram na manhã desta sexta-feira (25) um caso de pedofilia na internet em Torres, no Litoral Norte. Mais de 800 vídeos e fotos que continham pornografia infantojuvenil foram encontrados no computador pessoal do suspeito, um comerciante de 34 anos.


Agentes da Delegacia de Repressão aos Crimes Informáticos e Defraudações (DRCID), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), e uma equipe de Informática Forense do IGP estiveram na residência do comerciante.


Houve o cumprimento de um mandado judicial de busca e apreensão para apurar o crime de pedofilia através do armazenamento e compartilhamento de cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente.


Durante a ação, todos equipamentos de informática encontrados foram analisados, sendo então localizados o material ilícito. O comerciante, que já tinha antecedentes pelos crimes de lesão corporal no âmbito doméstico familiar e por contravenções penais, foi preso em flagrante e encaminhado à DP de Torres. Depois, ele deve ser encaminhado ao sistema prisional, caso não satisfaça a fiança arbitrada para o caso.


Conforme o IGP, o material encontrado passou por análise preliminar e será periciado agora pela equipe de Informática Forense em Porto Alegre. O ponto de internet do suspeito era ainda compartilhado indevidamente por seis residências.


Fonte: Correio do Povo

0 comentário
Sem título.png
Caixinha de perguntas Start.png