Confusão: alunos de tradicional colégio de POA causam tumulto e depredação em avenida; veja vídeo


O Colégio Anchieta, instituição particular e uma das mais tradicionais de Porto Alegre, divulgou um comunicado repudiando a confusão promovida por formandos da instituição na segunda-feira (22).


No comunicado, a escola informa que decidiu avaliar se vai oferecer as atividades de encerramento para os alunos da 3ª série do Ensino Médio, como forma de repreensão.


Segundo o Anchieta, estudantes invadiram a Avenida Nilo Peçanha, onde a escola fica localizada, fazendo uso de rojões e sinalizadores de fumaça. Eles também causaram danos a automóveis e arremessaram objetos na via, conforme o texto.

De acordo com o Anchieta, os estudantes são da 3ª série do Ensino Médio, prestes a se formar, e apresentaram "comportamento alterado", com "circulação de bebida alcoólica". A instituição não soube informar quantos participaram do ato, que teve início por volta das 7h30min e não durou mais de 30 minutos.


A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) não registrou ocorrências como depredação a automóveis ou mesmo bloqueio no trânsito da Nilo Peçanha, mas recebeu alerta, às 7h39min, de que havia uma comemoração em frente ao colégio.


Quando uma equipe chegou ao local, os estudantes já haviam se dispersado. Procurada, a Brigada Militar (BM) não informou, até a publicação desta reportagem, se registrou alguma ocorrência no local.


No comunicado, o Anchieta informou que a reprimenda aos estudantes se deve pelo risco gerado à comunidade escolar, sejam professores, funcionários do colégio e até mesmo quem transitava pelas imediações no momento da bagunça. A escola vai definir se deve promover atividades como a formatura e o encontro com familiares no Morro do Sabiá, na Zona Sul.


Confira o comunicado emitido pelo Colégio Anchieta


Estimadas famílias e estudantes da 3ª série


A Coordenação da Unidade de Ensino, no exercício de suas atribuições regimentais e sob a prerrogativa de cuidado e de inconteste responsabilidade pela segurança de seus estudantes, decide colocar sob avaliação a realização das atividades de encerramento (dia temático, Morro do Sabiá, celebração, Fiergs) previstas para o encerramento das turmas da 3ª série de 2021.


A decisão, excruciante na sua severidade, impõe-se como medida de repúdio às manifestações de perturbação da ordem pública e de descontrole coletivo realizadas pela quase totalidade dos estudantes da 3ª série na manhã de 22 de novembro. Nessa manifestação, observou-se o comportamento alterado e a circulação de bebida alcoólica, reportando-se, no episódio, a presença de rojões, sinalizadores, invasão à Avenida Nilo Peçanha, depredação do espaço público, danos a automóveis e arremesso de objetos nas vidas de circulação.


Tais atos puseram em risco, nas imediações do Colégio, a integridade física e psíquica dos discentes, colaboradores do colégio e dos próprios transeuntes. Saliente-se também a necessidade de comunicação, às demais famílias da 3ª série, que a turma 306 encontra-se afastada das atividades presenciais, aguardando testagem em função de caso confirmado de covid-19.


Como Coordenação de Unidade, não transigiremos com atitudes desse gênero, tomando todas as medidas cabíveis para assegurar a absoluta tranquilidade e a irrestrita segurança do espaço escolar e de todos os anchietanos que se encontram em processo de encerramento do ano letivo.


Com estima e prece,

Cleiton Gretzler Coordenador de Unidade de Ensino Fundamental e Ensino Médio


Fontr: GZH

0 comentário