top of page
Buscar

Denarc impede negociação de armas de fogo entre grupos criminosos em Gravataí


Imagem: divulgação/ Polícia Civil.

Uma comercialização de armas de fogo entre grupos criminosos foi frustrada pelo Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) da Polícia Civil na noite desta terça-feira (28) em Gravataí. Houve a apreensão de três pistolas calibre nove milímetros, em excelente estado de conservação, sendo que uma delas com numeração suprimida, além de carregadores, munições, três telefones celulares, um caderno de anotações e um drone.


A ação foi conduzida pela equipe do delegado Gabriel Borges. Segundo ele, a investigação começou há uma semana após o recebimento de denúncias de que um grupo criminoso estabelecido na Zona Norte de Porto Alegre estaria adquirindo armas de fogo de outras facções. O objetivo da compra seria para defender o território, formado por diversos bairros limítrofes com Alvorada, em razão das recentes disputas territoriais, bem como para executar desafetos.


Segundo Borges, o trabalho policial possibilitou que fosse identificado o veículo responsável pela entrega das armas de fogo. O Fiat Palio suspeito foi avistado em Cachoeirinha, nas proximidades da ERS -18, sendo seguido até Gravataí. A condutora se preparava para efetuar uma transação de armas no momento em que foi abordada. A acusada, de 50 anos, sem antecedentes criminais, foi presa em flagrante e conduzida ao sistema prisional.


O delegado lembrou que a sua equipe, apenas em março, retirou dez armas das mãos do crime organizado, representando “uma considerável redução da sua capacidade lesiva e aumento da segurança como um todo, impedindo a prática de diversos outros crimes, como execuções de rivais e delitos patrimoniais”.


Fonte: Correio do Povo

0 comentário

Comments


Grupo Star superior.png
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page