top of page
Buscar

Deputados gaúchos levam a ministro série de propostas contra o racismo no mercado de trabalho

O ministro do Trabalho e Emprego (MTE), Luiz Marinho, recebeu em Brasília nesta segunda-feira (25) uma comitiva de deputados estaduais gaúchos da comissão especial da Assembleia Legislativa que analisa a situação econômica da população negra do Rio Grande do Sul. Na pauta estavam propostas de combate ao racismo no mercado de trabalho.


Foram a Brasília o presidente do colegiado, Matheus Gomes (Psol) e a relatora Bruna Rodrigues (PCdoB). O parlamentar apresentou um plano de trabalho e um relatório com sugestões de iniciativas que incluem a criação de uma política nacional de igualdade salarial entre negros e brancos.


“Recentemente, o governo federal criou uma política para combater a desigualdade salarial de gênero, o que é importantíssimo. Mas a questão racial está no centro da desigualdade econômica no Rio Grande do Sul e do Brasil. Se olharmos a renda média em nosso Estado, uma mulher negra ganha 50% do salário de um homem branco, ao passo que os homens negros recebem em média R$ 250 a menos que as mulheres brancas gaúchas”, afirmou Gomes.


Outras sugestões


Também foram apresentadas propostas para a adoção de políticas de ações afirmativas no conjunto de ações e programas implementados pelo ministério, principalmente nos programas financiados pelo Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).


Constam no documento, ainda, a sugestão de uma política de emprego decente para a população afrobrasileira e apoio a medidas de qualificação profissional recém lançadas no programa “Juventude Negra Viva”, com foco na inserção de jovens negros nos programas “Jovem Aprendiz” e “Primeiro Emprego”.


Fonte: O Sul

0 comentário

Hozzászólások


Grupo Star superior.png
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page