Buscar

Detran e Casa Civil devem fazer mutirão para zerar filas de prova prática de CNH no RS


Conforme os órgãos, há quase 100 mil pessoas aguardando para realizar o exame. | Imagem: Roberto Caloni/ Detran-RS.

A Defesa Civil e o Departamento de Trânsito do Rio Grande do Sul (DetranRS) se comprometeram a realizar um mutirão com objetivo de zerar as filas de prova prática para a retirada da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Chega a 97,5 mil o número de pessoas aguardando para realizar o exame em território gaúcho.


A iniciativa partiu de uma audiência pública realizada na Assembleia Legislativa por solicitação do deputado Giuseppe Riesgo (Novo). No encontro, foram apontados os motivos para a formação de filas, que vão desde pessoas que não querem fazer o exame, pedem para fazer mais aulas, preferem esperar passar a pandemia ou, até mesmo, desistem do processo por qualquer outra razão.


O impacto provocado pela própria pandemia também provocou redução drástica na quantidade de exames aplicada, chegando, em alguns momentos, a 25% do volume usual.


“A demora para a aplicação das provas prejudica o desenvolvimento econômico do Estado e o cidadão que se preparou para a realização do exame. Com o cumprimento desses mutirões, procuramos reverter as falhas apresentadas pela administração do Detran e normalizar a situação para quase 100 mil gaúchos”, pontua Giuseppe Riesgo.


Durante a audiência, o diretor-geral do DetranRS, Enio Bacci, estimou o período de 12 meses para a normalização da fila, vinculado à manutenção dos 40 servidores contratados de forma emergencial e à ampliação do quadro de funcionários para 60 aplicadores.


De acordo com o DetranRS, o tempo de espera para a realização das provas práticas varia de acordo com cada Centro de Formação de Condutores (CFC), sendo em que há casos de agendamento para daqui a um mês, e outros, com datas disponíveis apenas em janeiro do ano que vem.


Fonte: Correio do Povo

0 comentário
Sem título.png
Caixinha de perguntas Start.png