Dezembro Vermelho: Sae de São Leopoldo é a porta de entrada para aqueles que procuram tratamento


Segundo dados do Ministério da Saúde, até o momento foram notificados 40 novos casos de AIDS em São Leopoldo neste ano. | Imagem: divulgação/ PMSL.

Instituído pela Lei 13.504/2017, o Dezembro Vermelho é uma campanha nacional de prevenção ao HIV/AIDS e outras infecções sexualmente transmissíveis (ISTs) com foco na prevenção, assistência, proteção e promoção dos direitos humanos das pessoas que vivem com a doença.


Segundo dados do Ministério da Saúde, até o momento foram notificados 40 novos casos de AIDS em São Leopoldo neste ano. Para atender os pacientes, o Serviço de Atendimento Especializado (Sae) é responsável pelo acolhimento e acompanhamento daqueles que buscam informações ou tratamento.


Scarlatt Napp, coordenadora do Sae, afirma que atualmente o serviço conta com aproximadamente 1900 usuários em tratamento e faz mais de 700 atendimentos por mês, entre consultas médicas e acolhimento. “Quando eu digo consulta, não me refiro apenas às [consultas] médicas, mas também aos acolhimentos, que podem ser pedidos de informação, realização de teste rápido ou pedir transferência para realizar o tratamento no município”, explica Scarlatt.


Os serviços disponibilizados pelo Sae seguem um fluxo: triagem e após, se necessário, o paciente passa pelo processo de acolhimento com um profissional (enfermeiro, farmacêutico, assistente social) para receber orientações. Conforme Scarlatt, a equipe médica conta com clínico geral, infectologista, infectologista pediátrico e gastroenterologista.


Todas as 20 Unidades Básicas de Saúde do município estão habilitadas a realizar testes rápidos para detecção do vírus HIV. "O Sae é responsável por enviar o quantitativo mensal de testes para as UBS conforme solicitado pelas mesmas", explica.


Ações realizadas durante o mês


Durante o Dezembro Vermelho, diversas ações de conscientização e prevenção ocorreram no Sae, UBS, Feira do Livro e na programação de Natal de São Leopoldo. No dia 1º, Dia Mundial de Luta contra a AIDS, o Sae realizou uma campanha de testagem rápida por livre demanda.


O Serviço de Atendimento Especializado fica na rua Osvaldo Aranha, 779 - Centro, com expediente das 7h30 às 13h30.


Guilbert Trendt, da Redação Start.

0 comentário