top of page
Buscar

Equipe da coleta domiciliar ajuda a socorrer criança vítima de choque elétrico na vila Brás


Imagem: Filipe José Laufer.

Uma equipe da coleta de resíduos domiciliares, que atua no município de São Leopoldo, ajudou no salvamento de uma criança que foi vítima de choque elétrico nesta quarta-feira (10).


Um pouco antes do meio-dia a equipe composta pelo motorista do caminhão, Filipe José Laufer, e os garis Oséias da Rosa Alves, Luan José Lucas, Tales Gustavo da Silva e Dênis Batista Viana, estavam fazendo a cotidiana rota de coleta na vila Brás, quando se depararam com o pedido de socorro de uma mãe pela vida de sua filha de seis anos.


“A mãe estava chorando desesperada e isso nos chamou a atenção, como não tinha nenhum carro por perto decidimos ajudar levando a criança até um postinho de saúde mais próximo”, declarou o motorista Filipe.


A equipe levou Anneliece Nascimento da Silva, de 23 anos, e a sua filha, Kemilly Vitória, na cabine do caminhão e se dirigiram até a Unidade Básica de Saúde (UBS) Padre Orestes, onde a menina recebeu os primeiros atendimentos.


Segundo os profissionais de saúde que lhe atenderam, a garota chegou em parada cardíaca e com marcas de queimadura nos dedos de uma mão, mas foi transferida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Centenário.


Devido a gravidade da situação, ela foi transferida para a UTI pediátrica do Hospital de Pronto Socorro (HPS) de Porto Alegre, onde segue respirando com ajuda de aparelhos, mas apresenta melhoras.


“Graças aos garis e médicos que a ajudaram, ela está viva. Só tenho a agradecer muito a todos eles”, ressalta Anneliece.


Segundo a mãe da menina, ela teria sofrido uma descarga elétrica ao encostar em um fio desencapado ao lado da residência da família, na rua Arroio Gauchinho.


Fonte: PMSL

0 comentário
WhatsApp Image 2024-02-26 at 16.17.18.jpeg
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page