top of page
Buscar

São Léo em Cine mobiliza alunos e professores da Rede Municipal de Ensino


Imagem: Adil Lima/ Start Comunicação.

Promovido há nove anos pelo Núcleo de Educação Audiovisual da Secretaria de Educação de São Leopoldo (Smed), com apoio do Sesc, o São Léo em Cine movimentou o Anfiteatro Padre Werner, na Unisinos, nesta segunda (30) e terça-feira (31). O evento envolveu produções de curtas-metragens desenvolvidos por estudantes e educadores de quatro Escolas Municipais de Educação Infantil, 17 Escolas Municipais de Ensino Fundamental e Escola Municipal de Artes Pequeno Príncipe.


O São Leo em Cine envolve crianças e estudantes da Educação Infantil aos anos finais do Ensino Fundamental e EJA. “É um evento que ocorre há nove anos e já foram produzidos centenas de curta metragens, fazendo dele um festival de suma importância como ferramenta pedagógica na sala de aula e fora dela”, explica Andréa Rodrigues, coordenadora do Núcleo de Educação Audiovisual da Smed. “Crianças e adolescentes da nossa rede fazem uso desta linguagem artística de forma a transmitir seus sonhos, anseios, dúvidas, questionamentos e alegrias. Percebemos que o cinema é uma forma de dar voz ao estudante, pois através da Arte ele consegue falar para o mundo o que muitas vezes de outra forma não o faz”, completa a professora.


As categorias envolveram vídeos com temática livre de até 8 minutos, do Desafio 199 Segundos e de Minuto Mudo.


Entre os troféus de destaque estiveram: “Primeira Infância”, “Criatividade e Sensibilidade”, “roteiro”, relevância social”, “inclusão” e “destaque sustentabilidade e meio ambiente”.


“É um orgulho enorme ver esta galera de todas as idades produzindo cinema com assuntos tão relevantes pra sociedade, como racismo, bullying e meio ambiente. Também temos que dar crédito às professoras e professores que, além de ensinar, incentivam e auxiliam em todos os processos. A escola pública é lugar de muita criatividade e muitos talentos e nós incentivamos esta descoberta”,destacou o secretário de Educação, professor Ricardo Luz, presente no evento de premiação.


A entrega de troféus também foi feita por duas estudantes, Olívia Brunner da Silva e Valentina Santos de Aquino Lima. Ambas participam das oficinas de cinema do Mais Educa na Escola de Artes. “Esse foi meu 1º ano participando da Oficina de Cinema. Sempre me interessei por Cinema, amo assistir filmes desde pequena e aproveitei a oportunidade de me inscrever na disciplina de Cinema da Escola Municipal de Artes Pequeno Príncipe da qual faço parte desde os meus seis anos de idade. Ver como constrói um roteiro,edição, filmagens, mas o que mais gosto é os enquadramentos de câmera. Foi uma experiência ótima! Aprendi bastante, fiz amigos incríveis, trabalhamos e fiz um curta-metragem! Foi super bacana, não vejo a hora de fazer outros”, contou a jovem Valentina.


Já Olívia agradeceu e destacou que “foi muito legal vivenciar este universo do cinema e fazer parte de cada etapa da construção de um vídeo. Atuar, editar, criar o roteiro. Acho muito importante as escolas incentivarem o cinema e nos proporcionarem novas experiências e oportunidades”.

*Fotos: Adil Lima/ Start Comunicação.





0 comentário

Comments


Grupo Star superior.png
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page