top of page
Buscar

Vereadores de Canoas rejeitam impeachment de vice-prefeito e processo é arquivado



Imagem: divulgação/ PMC.

O plenário da Câmara de Vereadores de Canoas arquivou, no fim da tarde desta quinta-feira (5), o processo de impeachment do vice-prefeito do município, Nedy de Vargas Marques (Avante).


O arquivamento ocorreu pouco depois das 17h, quando a sessão de julgamento se encaminhava para os últimos atos. Antes que começassem as manifestações finais dos parlamentares, Márcio Freitas (Avante) apresentou um requerimento pedindo o arquivamento da denúncia.


O documento contou com apoio de mais nove vereadores: Adriano Agitasamba (PL), Abmael (Solidariedade), Cezar Mossini (MDB), Gilson Oliveira (Avante), Juares Hoy (PTB), Leandrinho (PSD), Eric Douglas (PTB), Maria Eunice Dias Wolf (PT) e Jurandir Maciel (PTB).


Para que o impeachment se consolidasse, era preciso que houvesse maioria qualificada, isto é, dois terços dos 21 vereadores. Em números absolutos, eram exigidos 14 votos favoráveis (no máximo, sete contrários).


O vice-prefeito era acusado de ter cometido irregularidades – enquanto chefiava a prefeitura – no contrato com a Fundação Educacional Alto Médio São Francisco (Funam). A entidade administrou o Hospital Universitário de Canoas até maio do ano passado, quando a instituição passou por uma intervenção.


Fonte: GZH

0 comentário

Kommentare


Grupo Star superior.png
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page