top of page
Buscar

Número de feminicídios no RS cai em 2023, diz SSP


Imagem: Emmanuel da Rosa/ Especial Palácio Piratini.

O número de feminicídios (mortes de mulheres em contexto de gênero) no Rio Grande do Sul caiu 21% em 2023 na comparação com o ano anterior. De acordo com levantamento disponibilizado pela Secretaria da Segurança Pública (SSP), foram registradas 80 ocorrências do tipo no último ano, enquanto em 2022 foram 102.


Os dados contemplam os registros até novembro. Os dados de dezembro não estavam consolidados até a publicação desta reportagem, de acordo com a SSP.


Os meses de janeiro , março e outubro – com 10 feminicídios cada – concentraram os maiores números de casos consumados.


Segundo os indicadores de violência contra a mulher, 57 municípios do RS registraram ao menos um feminicídio em 2023. Caxias do Sul lidera o número de ocorrências, com 5 casos confirmados. Na sequência, aparece Pelotas, com 4. Porto Alegre, Erechim e Vacaria, tiveram 3 mortes em contexto de gênero.


Veja, abaixo, outros recortes trazidos pela SSP:


  • Feminicídio tentado – 261 (2022) x 213 (2023);

  • Ameaça – 31.347 (2022) x 30.040 (2023);

  • Estupro – 2.676 (2022) x 2.257 (2023);

  • Lesão corporal – 18.209 (2022) x 17.739 (2023).


Como denunciar


Existem canais para atendimento em casos de violência doméstica contra mulheres. As denúncias podem ser feitas pelo Disque 180. A Polícia Civil conta com o número (51) 98444-0606 para contato via WhatsApp e Telegram.


Em dezembro de 2022, o governo do Rio Grande do Sul lançou a Delegacia On-line da Mulher. A ferramenta é uma página exclusiva para tratar da violência de gênero e funciona 24 horas por dia. O serviço pode ser acessado por celulares, tablets e computadores.


As vítimas também podem comparecer presencialmente em uma Delegacia da Mulher ou em qualquer Delegacia de Polícia (nos municípios em que não houver unidade especializada).


Fonte: g1

0 comentário

Comments


Grupo Star superior.png
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page