top of page
Buscar

Atletas leopoldenses participam da Copa Brasil e Controle Nacional de Canoagem Velocidade em MG


Imagem: Daniela Maioli/ Aleca.

A equipe da Associação Leopoldense de Ecologia e Canoagem (ALECA) embarca nesta quarta-feira (12) para Minas Gerais rumo ao primeiro evento da temporada 2023 da Canoagem Velocidade: a Copa Brasil e o Controle Nacional de Canoagem Velocidade. A competição ocorre entre a quinta (13) e o próximo domingo (16), no município de Capitólio (MG). Cinco atletas da Aleca vão disputar provas nas categorias júnior e sênior (masculino e feminino).


A coordenadora do Projeto Canoagem na Escola, Daniela Maioli, e o técnico Luis Marcelo Carneiro irão acompanhar os atletas Richard Alves, Nadine Cunha, Herick Rafaelli, Rauany Gomes e Giovana Rocha. O evento faz parte das competições que definirão o 1º Ranking da Canoagem Velocidade, somando os pontos da I e II Etapas da Copa Brasil, juntamente com os pontos do Campeonato Brasileiro do ano de 2023, em todas as categorias (feminino e masculino) em embarcações individuais de distâncias Olímpicas.


A Copa Brasil e o Controle Nacional de Canoagem Velocidade é realizada pela Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) com apoio da Prefeitura Municipal de Capitólio e da Federação Mineira de Canoagem (FMC). Ao total, 200 atletas confirmaram a presença e vão participar das provas nas seguintes categorias: infantil, menor, cadete, júnior e sênior e master, masculino e feminino, na canoa e no caiaque, com distâncias de 1000, 500 e 200 metros.


História da Canoagem em São Leopoldo


Desenvolvido pela Prefeitura de São Leopoldo, por intermédio da Secretaria Municipal de Educação (Smed), o Projeto Canoagem na Escola atende estudantes da rede pública de ensino. O projeto surgiu no segundo semestre de 2005, com o objetivo de preencher o tempo livre de crianças e adolescentes que tomavam banho de rio. A partir de 2006, Daniela assumiu a coordenação e deu o caráter de escola de canoagem. A condição para seguir remando no projeto era manter boas notas e bom comportamento.

A partir de 2008, o projeto iniciou sua participação em competições dentro do Estado. Em 2009, os treinos se intensificaram e, no ano seguinte, disputaram o primeiro campeonato em nível nacional. Para regulamentar a equipe nas competições, foi criada, em 2011, a Associação Leopoldense de Ecologia e Canoagem (Aleca).

Atualmente, a equipe de professores e coordenação é composta por oito pessoas que auxiliam nos treinos dentro e fora da água. O projeto Canoagem atende 170 estudantes da rede municipal, com atividades de segunda a quinta-feira, nos turnos da manhã e da tarde, no contraturno escolar. Já a Aleca, conta com cinco atletas, mais 12 estudantes na categoria de base. Durante o projeto, os atletas treinam dois dias por semana. Após serem integrados na Aleca, eles passam a treinar cinco dias por semana.


Fonte: PMSL


0 comentário

Comentarios


Grupo Star superior.png
Caixinha de perguntas Start.png
bottom of page